sexta-feira, outubro 14, 2005

E JÁ AGORA , SE MOURINHO TAMBÈM SE CANDIDATASSE?

«MÁRITO» CUIDA-TE ;OLHA QUE ELE ESTUDA OS DOSSIERS…


Acabo de ouvir mais um candidato a Presidente da República Portuguesa. Não para ganhar ,mas ,…como explicava com farta demagogia ,para moralizar ,dizia espante
.Para «ganhar» moralmente…

De repente dei por mim a pensar …

E se o José Mourinho se candidatasse ao cargo …o que poderia acontecer?! Querem ver que em vez de vitória moral , ele jogava para ganhar –como habitualmente -, pois se não fosse para ganhar ele não estaria ali ,e ganhava mesmo…

E porque não ..Um País com uma (?)Fátima, um Valentim do apito , um Torres a imitar o Robin dos Bosques à portuguesa -rouba os pobres para enriquecer um rico- e um Isaltino , o TIO-BOM, protector da« sobrinhada» emigrante ,que mal ficaria um Mourinho no meio deles ?Talvez até fosse um meio para eles apanharem vergonha de se acharem catedráticos do populismo.
Entre um Cavaco «contabilista» que só sabe fazer contas de subtrair e o José que só «soma ,em quem escolher .Entre um MÁRITO que não estuda os dossiers e o José que dizem os leva até ao esgotamento ,em quem por o papelinho? Entre o Louçã que só joga cá atrás, ,«chanqeuiro» q,b., sempre agarrado à bola a chutar ao lado , e o José que faz sempre «pressing alto» quem escolher ?entre o Jerónimo que diz que vai, e se calhar não vai e o José que vai ,e vai mesmo ,quem preferir?


Não querem lá ver que o José M. seleccionava a seu jeito uma «equipa de políticos» ,convencia-os que eram mesmo os melhores -o que era fácil , até porque eles, disso andam sempre convencidos -, e com um bom balneário , imbuídos da estratégia do pressing alto ,ia por essa Europa ajoujar a seus pés, os peralvilhos que tesos dão ar de ricos como é já habitual.

Nesse caso é que eu queria mesmo ver se ele é de facto o maior ; e se o tal trabalho de balneário ,era mesmo cientifico .Por exemplo, quando o Blair atacasse pela direita ,já o José o tinha adivinhado pelo estudo dos vídeos –que é o que falta aos nossos governantes ,estudarem os dossiers- recolhidos pelos seus observadores nas cimeiras anteriores , o que lhe permitia adivinhar o desígnio dos adversários , desarmá-los e contra atacar mortiferamente pela esquerda, o que Blair não imaginava ,ao lembrar-se do seu fellow Durão ; ou, quando mons. Le Presidente Chirac pensasse aviar Mourinho com os «alhos» (PAC) já aquele replicava com «bogalhos» (POC) ,provocando no franciù um frisson do caneco ,aviando-o com três batatas secas.

Isto parece tolo , mas olhem que não é ; e depois, até podia ser que o Abramovitch lançasse uma OPA sobre este Pais á beira mar plantado, e passássemos assim, todos, a poder andar nos seus iates .Ao menos não era como agora, que é só para alguns!

A sério : eu lembrei-me disto a propósito de um dos mais interessantes livros que li até hoje ,cujo titulo era O RATO QUE RUGE.
Para os que nunca contactaram com o mesmo, eu resumo : a rainha de um pequeníssimo enclave da Europa falido ,exaurido ,sem recursos ,reuniu os seus governantes com o propósito de descortinar um plano que salvasse o reino. Ouvidas várias opiniões, um dos ministros levantou-se e, com um ar natural ,disse : eu sei como resolver a questão!....e logo concretizou : Vamos invadir os Estados Unidos da América !
-O tipo é maluco , riram-se os colegas ministros …. olhando com troça o seu par que, pensavam, teria enlouquecido .Só a rainha replicou : e daí ?!.

- Responde o ministro «idiota» : é verdade que somos todos presos quando lá chegarmos ;a América recambia-nos, é certo ,mas logo põe em marcha um plano tipo Marshal , para auxilio aos prisioneiros, que vai chegar para nos enriquecer a todos .
- Não está mau pensado , não senhor …admitiam agora os mais céticos .
E vá de marcar a invasão .Assim, quando num barquito –o único que tinham –chegam a Nova York , qual não é o seu espanto ,quando não encontram uma única alma :Branca ou Preta .Tudo estava deserto.
A questão é que estava a decorrer um exercício de simulação de um ataque nuclear e todos os Nova Yorquinos tinham ido refugiar-se nos bunkers protectores :
Os edifícios públicos estavam desertos, à mercê :A CIA escancarada :o FBI à disposição.
- Queres ver que tiveram medo de nós ?! …,diz um dos ministros invasores
.- E agora ?:- afinal somos nós os vencedores, e por isso, não vamos ter direito ao programa de auxilio. Mais :- nós é que ainda temos, é de pagar uma indemnização a esta gente do Tio Sam, que eles nisso não perdoam.

E foi assim que um minúsculo pais se viu a ocupar a maior potência do mundo…

Ora com o Mourinho, uma estratégia deste tipo, ademais com as pré-claras achegas desenvolvidas pelo Gabriel Alves, era sempre de esperar.

E lá viriam taças e mais taças : e com elas os Euros necessários para acorrer ao déficit

A salvação do País.


Por isso : JÁ .... MOURINHO A PRESIDENTE

Acabava-se a confusão e os tabus .Quem fizesse jogo para trás ou para os lados :RUA…

Ia tanta gente para a rua , que em Portugal são mais os filhos da (….).que as mães.

ALADINO.